Revista Pesquisa e Música

O CBM começa a sua caminhada em publicações no ano de 1956, editando a Revista CBM, com vários aspectos dignos de nota para os tempos de hoje: uma tiragem de 5000 exemplares, uma solicitação de permuta feita em 21 idiomas, incluindo Japonês, Árabe, Chinês e Hindu [sic], escritos nos alfabetos específicos dos mesmos, mais de 300 páginas de texto, propagandas de vendas de instrumentos musicais e algumas colunas não menos curiosas como Dicionário de música, Lista de obras de compositores, Discursos proferidos em formaturas, Você sabia.... e, até, Palavras cruzadas musicais. 
 
Desde então, a Revista tinha por objetivo veicular artigos nas várias áreas da música, abrindo espaço ainda para outras áreas com as quais a música se relaciona como, por exemplo, Música e poesia, podendo-se considerar esta como a primeira fase da Revista. 
 
Na década de 1990, a Revista inaugura a sua segunda fase: passa a ser denominada Pesquisa e Música, muda de identidade visual, de editor, e se dedica a veicular exclusivamente artigos relacionados às diversas áreas da música. 
 
Depois de uma nova interrupção, Pesquisa e Música volta em 2006, com novos editores, que se mantêm ainda hoje e continuam com a mesma linha de edição, objetivando um diálogo maior entre as disciplinas da área e ampliando mais os seus domínios, numa abertura para um maior diálogo com outras áreas. Também amplia a sua periodicidade, passando para publicações semestrais e abrindo para o recebimento de contribuições em fluxo contínuo, pretendendo contribuir para a ampliação de espaços de discussão e debates acadêmicos .

 
 
Os benefícios da atuação fonoaudiológica no canto coral
Maria Angélica de Toledo Calderano (CBM-CeU) 
Miguel Eduardo Guimarães Macedo (UFJF - MG)
no atendimento de um caso paradigmático
Maristela Rosas (CAPs Profeta Gentileza, RJ) 

A Escola de "Zé Menezes"
Rogério Borda (CBM-CeU)

 ISSN

1981-0180
 

 Envie seu trabalho:

Recebimento em fluxo contínuo
 

 Contato:

pesquisaemusica@gmail.com
 
 

Parceiros