Bacharelado em Instrumentos

INSTRUMENTOS

O curso tem a duração de 4 anos/8 períodos

Os cursos de graduação em Música foram criados no Brasil, a partir de 1930, sendo o primeiro deles instalado no Instituto de Artes da Universidade do Distrito Federal, no Rio de Janeiro, na ocasião capital da República, hoje, se estendem por todo o país, capacitando profissionais para que atuem nos diversos campos da Música.

Esses cursos, geralmente, marcados por uma formação eminentemente técnica, procuram atender às necessidades sociais vinculadas à preservação, propagação e criação de culturas e acervos musicais, nacionais e mundiais.

Esse cenário é promissor para instrumentistas; com a expansão de vários grupos em nosso país, cresce também, a necessidade de uma compreensão multicultural, capaz de entender uma estética que se estende da clássica a popular, compreendendo os estilos de época que vão desde música antiga a música contemporânea.

Música, para ser apreciada necessita que quem a ela se dedique fomente a curiosidade e o valor de seus estudos, na comunidade em que se insere.

Este é o papel do Curso de Bacharelado em Instrumento: alicerçar a importância música-cultura entre discentes para que sejam multiplicados conhecimentos capazes de mudar e transformar a sociedade.

O curso de Bacharelado em Instrumentos é subdividido em instrumentos de sopro, instrumentos de cordas e instrumentos de percussão.

Instrumentos de sopro:

  • Flauta Transversal
  • Saxofone
  • Clarineta
  • Trompete
  • Trombone

Instrumentos de Cordas friccionadas:

  • Violino
  • Viola Clássica
  • Violoncelo
  • Contrabaixo

Instrumentos de Cordas dedilhadas:

  • Violão Clássico
  • Violão Popular
  • Violão de 7 Cordas
  • Bandolim
  • Cavaquinho
  • Viola Caipira

Instrumentos de Cordas Percutidas:

  • Piano Clássico
  • Piano Popular

Instrumentos de Percussão:

O curso de percussão se concentra especialmente em alguns instrumentos que usualmente são requeridos no repertório orquestral e solista, tais como:

  • Tímpanos
  • Teclados (Vibrafone, Marimba, Xilofone e Glockenspiel)
  • Caixa-clara e percussão múltipla (Set up),

O curso de percussão também dirigi especial atenção aos instrumentos da percussão brasileira e a bateria.

O curso de Bacharelado em Instrumentos encontra-se estruturado em sete semestres letivos e visa a direcionar o aluno em seu aprimoramento técnico-instrumental e paralelamente ampliar seu conhecimento para permitir-lhe atingir um nível satisfatório, em sua performance individual ou como solista de orquestras e bandas, música de câmera, música clássica e música popular.

Observamos que o curso de Cordas Dedilhadas foi criado no CBMUNICBE com o objetivo de englobar, em um só curso, instrumentos típicos que contribuíram, ou contribuem, para o que chamamos intimamente de Música Popular Brasileira, tanto no contexto rural como no urbano, berço do nascimento e fonte de desenvolvimento da diversidade musical popular.

No entanto, deve ser dada ênfase à formação do músico-intérprete, onde o aspecto técnico não deve se sobrepor ao artístico. Para equilibrar a tendência do mundo moderno em focalizar aspectos tecnicistas do conhecimento, uma atenção especial deve ser dada ao aluno-instrumentistas para que, a partir de suas experiências, tenham uma postura reflexiva em questões inerentes à arte.

O que se observa comumente no mercado de trabalho brasileiro, e mundial, é uma dicotomia entre a atividade profissional do músico de formação acadêmica tradicional, o chamado músico erudito, e o popular.

O curso de Bacharelado do CBMUNICBE tem como meta resolver essa dicotomia em uma unidade, onde o tradicional erudito se liberta das amarras da academia e o popular seja reconhecido como uma tradição que se torna erudição, no sentido de possibilitar uma metodologia, conhecimentos técnico, histórico e interpretativo.

Parceiros